Produtos

icone facebook icone twitter icone gplus icone whatsapp

LÁ NA FAZENDA


Autor: Abdias Campos
____________________

Eu era menino ainda
E na fazenda morava
Acordava de manhã
Muito cedinho acordava
Para ajudar ao meu pai
Sempre que ele precisava

O meu pai tirava o leite
Das vacas lá no curral
E eu soltava os bezerros
De cada vaquinha, uau!
Abrindo a porteira quando
O meu pai dava o sinal

Solte o bezerro, dizia:
De Borracha a vaca preta
O bezerrinho corria
Botava a boca na teta
E começava a mamar
Fazendo muita careta

Mamava apressadamente
Em cada teta que via
Quanto mais ele mamava
Mais a teta se enchia
Depois meu pai o tirava
Para a ordenha do dia

Quando a gente terminava
Levava o gado à  pastagem
As vaquinhas com seus filhos
Era a mais bela paisagem
Por isso na minha mente
Está presente essa imagem

(...)

LEIA O CORDEL COMPLETO ADQUIRINDO-O AQUI.

apenas
R$ 2,99

Frete grátis
para todo Brasil